top of page
  • Foto do escritorFeira dos Municípios

Feira dos Municípios 2024 terá ação de combate ao feminicídio

Atualizado: 28 de mai.

A parceria com o Instituto Banco Vermelho, um movimento internacional, faz da Feira o pioneiro no Brasil neste tipo de ação


A Feira dos Municípios reuniu, em 2023, mais de 60 mil pessoas e contou com a presença de 77 municípios capixabas. A edição deste ano cresceu 30% em área, tem a expectativa de receber um público ainda maior e já teve a confirmação de todos os 78 municípios. Com tanta gente junto e todos os municípios, é uma grande oportunidade para tratar temas relevantes em nossa sociedade, como o combate à violência contra a mulher.


Neste sentido, a organização do evento firmou uma parceria com o Instituto Banco Vermelho (IBV), uma entidade brasileira que se propõe a incentivar e conscientizar a sociedade a lutar pelo feminicídio zero. O Instituto foi idealizado por duas mulheres pernambucanas que transformaram a dor em propósito de vida: a publicitária e ativista Andrea Rodrigues e a executiva de Marketing Paula Limongi, presidenta e diretora executiva do Instituto, respectivamente. A iniciativa tem como estratégias de atuação a intervenção urbana, por meio da instalação de bancos vermelhos (cenográficos e funcionais) em espaços públicos e privados, a realização de campanhas de prevenção, de palestras e de capacitações, além de desenvolvimento de protocolos para prefeituras, secretarias e empresas e estratégias para eventos livres de assédios.


A Feira dos Municípios é pioneira no Brasil a receber o Instituto. De acordo com Paula Limongi, diretora executiva do IBV, a ideia é fazer uma intervenção no evento, com um banco vermelho gigante, e a pintura de alguns bancos menores com a cor vermelha lembrando o sangue das vítimas de feminicídio no Brasil, assim como, o uso de mensagens de conscientização. Mas não se limita a isso. Também irão promover um treinamento com as pessoas que trabalharão no evento para que elas estejam atentas a qualquer tipo de violência contra a mulher e saibam atuar nestas situações, para construir um evento livre do feminicídio.


Os bancos vermelhos


Vários bancos vermelhos estarão distribuídos pela área da feira. A ideia é que alguns que já estariam nos espaços sejam pintados de vermelho, para que se destaquem e chamem a atenção. Cada banco trará uma mensagem e placa com informações de canais de ajuda disponíveis e de orientação para mulheres que sofrem algum tipo de abuso ou violência e para alertar a sociedade civil em geral da importância da denúncia e de um olhar apurado para esse tema.



Um banco vermelho gigante ficará na entrada do evento. Ele traz as mesmas informações dos bancos vermelhos pequenos e ainda conta com um totem complementar. Por conta do seu tamanho, a proposta é destacar a causa de forma mais ampla e que chame atenção por ser um banco gigante e permita a interação das pessoas, com postagens nas redes sociais, ampliando ainda mais seu impacto.


O Instituto Banco Vermelho conta com um Projeto de Lei Municipal e um Estadual protocolados e em tramitação no Estado de Pernambuco; um Projeto de Lei Federal já aprovado, e frente de articulação direta junto ao Senado Federal, proposto pela Deputada Maria Arraes.


Atualmente, o projeto já foi implantado em mais de cinco municípios de Pernambuco, na cidade de Araguaína, no Tocantins, e na cidade de Santo André, em São Paulo.



Serviço

Feira dos Municípios 2024

6 a 9 de junho

Pavilhão de Carapina  

Horário de funcionamento

Quinta (06/06) - 14h às 22h

Sexta (07/06) - 14h às 22h 

Sábado (08/06) - 10h às 22h

Domingo (09/06) - 10h às 18h

Entrada Gratuita

Estacionamento pago


20 visualizações

Posts recentes

Ver tudo

Comments


bottom of page